Busca


Coluna do Blog
Eleição tende a ser casada


Destaques
Aécio Neves elogia decisão da ministra Rosa Weber
Artigo especial
A charge do dia
Coluna da quinta-feira
Eduardo quer fora a 'turma qua dá as costas ao Brasil'
Dudu, a esfinge
Senado: PPS cava vaga para Freire na chapa de Alckmin
CPI da Petrobras: oposição quer 'instalação imediata'
CPI exclusiva: PT vai recorrer da decisão da ministra
Na moda, Petrobras agora é passarela sob refletores


Opinião


O Brasil precisa parar de sangrar óleo - Targino Machado
























TwitterTwitterRádio do MagnoRSS

05
03/09
Um Distrito Federal, ou um ''Detrito Federal''?
A disputa por dois cargos na milionária Fundação Real Grandeza, pertencente aos funcionários das empresas Furnas e Eletronuclear, produziu, segundo a Veja, declarações de gradas personalidades brasilienses cujas palavras merecem reflexão.

Referindo-se aos dirigentes do fundo, asseverou o peemedebista Edison Lobão, ministro de Minas e Energia: Isso é uma bandidagem completa. Esse pessoal está revoltado porque não quer perder a boca.

Se tem quadrilha, não é no Real Grandeza, e sim no PMDB, como disse o senador Jarbas Vasconcelos, retrucou Geovah Machado, conselheiro da entidade.

Tania Vera, presidente da Associação dos Aposentados de Furnas, não deixou por menos: O que leva um ministro a perder tempo brigando pelo comando do fundo de pensão dos aposentados é um mistério preocupante.

O restante do filosofar acima está no artigo do publicitário e jornalista Marcelo Alcoforado, postado hoje no blog. Pelo que se lê nesses parágrados citados acima dá para notar a "sutileza" da indignação de Marcelo com o que se passa na "corte", sutileza essa que está no próprio "não-título" que ele dá ao seu artigo: "Sem comentários". Vale a pena ler na íntegra. Boa leitura!

  Escrito por Magno Martins, às 10h14
 
Comentários Comentários (0) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

05
03/09
Ouça meu comentário em Edvaldo Morais no Blog Voz

Para ouvir o meu comentário no programa de Edvaldo Morais, na Rádio Olinda, ligue para o Blog Voz - 34830102 e faça a opção 3. O prefixo é 81. O Blog Voz foi criado para facilitar a vida dos leitores deste blog que se encontram em  algum local sem acesso à internet.

  Escrito por Magno Martins, às 09h00
 
Comentários Comentários (0) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

05
03/09
Coluna de hoje na Folha

        A falsa reforma agrária

 

Furioso com Lula, o MST antecipou o tradicional “Abril Vermelho”, no qual promove invasões e depredações do patrimônio de fazendas pelo chamado “Carnaval Vermelho”.  A ira tem lá suas razões: o governo petista assentou menos famílias do que na gestão do ex-imperador FHC.

 

Entre 1996 e o final de 2002, o governo tucano distribuiu terra com 592.141 famílias, enquanto na era Lula foram assentadas 448.954 famílias nos últimos cinco anos e ainda com um triste agravante: o próprio MST e a Contag calculam que dentre os quase meio milhão de famílias 30% são inflados, ou seja, falsificados.

 

De acordo com a Contag, o Ministério da Reforma Agrária regularizou milhares de posses que já estavam há anos em poder do sitiante e contabilizou os números como de assentados da reforma agrária. Mentindo, como fez no evento em que Dilma falou para três mil prefeitos, no qual se divulgou que os gastos teriam sido em torno de R$ 300 mil quando, na verdade, ultrapassaram a casa dos R$ 4 milhões, o governo petista atraiu também a ira da Igreja.

 

 “É ridícula a velocidade da reforma agrária”, desabafa o padre Severino Leite Diniz, da Comissão Pastoral da Terra, para quem Lula está passível de um pedido de prisão por não cumprir a Constituição nem tampouco fazer a reforma agrária. Mais grave do que não respeitar a Constituição é falsear números para enganar a população.

 

LENTIDÃO – Pelos cálculos da Contag, da Igreja e do MST, cerca de 100 mil famílias de sem-terra no País já poderiam estar assentadas não fosse a falta de compromisso do Governo Lula com a reforma agrária. A justiça, claro, também tem sua enorme cota de participação: segundo o Incra, mais de 400 fazendas aguardam decisão judicial para serem transformadas em assentamentos. Nesses casos, o Incra já desapropriou as áreas, mas os fazendeiros ainda permanecem com a posse.

 

Sinusite derruba Jarbas - Jarbas quase não consegue fazer seu pronunciamento na terça-feira por causa de uma forte crise de sinusite. “Há tempo não tinha uma reação tão violenta”, atesta o senador, que ontem estava à procura de um especialista em Brasília recomendado pelo seu médico particular, o ex-secretário de Saúde, Guilherme Robalinho.

 

 

Antecipação da sexualidade - Evangélico e no sexto mandato estadual, o deputado Manoel Ferreira (PR) protestou, ontem, contra o gesto do presidente Lula de distribuir preservativos durante o Carnaval no Sambódromo. “Com a desculpa de proteger nossos jovens contra doenças sexualmente transmissíveis, o presidente, na verdade, incentiva a antecipação da sexualidade. Nunca vi uma campanha tão imoral e irresponsável”, afirmou.

 

Cheiro de vingança - O governador teve uma reunião com o secretário de Defesa, Servílio Paiva, e o presidente do PSB, Milton Coelho, para se inteirar do assassinato do vice-presidente da legenda socialista em Arcoverde, Nenca Brito. Pelo que já foi apurado, dificilmente o crime teve motivação de natureza política. Pode ter sido vingança.

 

Tome abacaxi! - A deputada Ana Arraes, que assumiu, ontem, a presidência da Comissão de Defesa do Consumidor, terá que fazer um curso de especialização em descascar abacaxi. A pauta envolve desde projeto de sua autoria, para isentar de tributação os produtos da cesta básica, até mesmo audiências públicas sobre aumento de energia.

 

 

 

 

Curtas

 

CONSÓRCIO – O prefeito de Aliança, Azoka Gouveia, assume, amanhã, a presidência do Consórcio dos Municípios da Mata Norte e do Agreste Setentrional. O vice é o prefeito de Passira, Miguel Freitas. A ordem é fazer projetos em comum.

 

NA MARCHA – O prefeito do Cabo, Lula Cabral (PTB), decidiu engrossar a marcha dos prefeitos em Brasília na próxima semana. Ele acredita que o movimento possa levar o Governo a compensar as perdas provocadas pelos cortes no FPM.

 

SEBRAE – Embora a sulanca seja a atividade que mais gera empregos hoje no Estado, Santa Cruz do Capibaribe não dispõe, hoje, de uma agência do Sebrae. Mas pode sair, segundo garantiu o deputado Edson Vieira após audiência no Sebrae.

 

'Porque o espremer do leite produz manteiga, o espremer do nariz produz sangue, e o espremer da ira produz contenda'. (Provérbios 30-33)

  Escrito por Magno Martins, às 06h00
 
Comentários Comentários (2) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

05
03/09
Ouça aqui o Frente a Frente de ontem

Se você perdeu o Frente a Frente de ontem, programa que apresento pela Nossa Rádio 106.9 FM Recife, em rede estadual com 18 emissoras, então clique no endereço abaixo e ouça agora. E se você tem uma rádio e deseja integrar a nossa rede entre em contato pelo e-mail magno@blogdomagno.com.br

  Escrito por Magno Martins, às 05h59
 
Comentários Comentários (0) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

05
03/09
D. José protesta contra aborto em menina de nove anos

 O arcebispo de Olinda e Recife, Dom José Cardoso Sobrinho, fez todos os esforços mas perdeu a batalha que travou para impedir a interrupção da gravidez da garota de nove anos estuprada pelo padrasto. O arcebispo vem condenando o procedimento dos médicos, que fizeram com que a garota expelisse os fetos(gêmeos), ontem pela manhã. O arcebispo diz que todos os responsáveis serão excomungados pela Igreja, e, ao mesmo tempo, anuncia para o próximo dia 7 o lançamento de um manifesto contra a interrupção da gravidez da garota, que corria risco de morte se desse à luz aos gêmeos.

 

O caso já ocupa espaço na imprensa de todo o mundo. Foi destaque ontem em jornais da Rússia, Áustria, França, Peru, Argentina, Suíça, Austrália, Canadá, México, Bélgica, Emirados Árabes,Cingapura e Estados Unidos. É destacada também a resistência da Igreja Católica, com o esforço do arcebispo Dom José Cardoso para impedir.

 

O aborto foi feito ontem pela manhã, autorizado,  no Centro Integrado de Saúde Amaury de Medeiros, na Encruzilhada, e antes do procedimento o arcebispo Dom José percorreu todos os caminhos para evitar o aborto. Tentou falar com o governador Eduardo Campos, sem conseguir, mas falou com o presidente do Tribunal de Justiça, Jones Figueiredo Alves e com o médico Antônio Figueira, diretor do Imip, onde ela esteve internada, mas esses esforços não impediram o procedimento que terminou sendo feito no CISAM.(Atualizada às 04h de hoje)

  Escrito por Magno Martins, às 05h20
 
Comentários Comentários (13) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

05
03/09
Lula aqui de novo. Dilma, Senado, saudades, ou o quê?

 Lá vem Lula novamente a Pernambuco. E a saudade é tanta que a visita, que estava marcada para o dia 24 de março, deverá ser antecipada talvez para o dia 15, ou seja, daqui a pouco mais de uma semana. O presidente vem inaugurar a fábrica da Sadia, em Vitória de Santo Antão. A explicação dada pelo governador Eduardo Campos é que o presidente norte-americano Barack Obama agendou um encontro com Lula para o dia 24, o mesmo anteriormente acertado para a visita do presidente a Pernambuco. Em alguns segmentos políticos pernambucanos, a constância com que Lula tem vindo a Pernambuco, quase uma visita a cada dois meses, tem cheiro mesmo é de preparação, ou reserva, para uma possível candidatura ao Senado por Pernambuco em 2010, caso morra de vez o sonho que muita gente alimenta de um terceiro mandato. Mas isso são só comentários de bastidores, nada confirrmado, só a confirmar.

  Escrito por Magno Martins, às 05h19
 
Comentários Comentários (1) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

05
03/09
Cena do aborto no filme ''Lula, o filho do Brasil''

Foto: Divulgação

Aí está a cena do filme ‘Lula, o Filho do Brasil’, em que Lurdes (Cleo Pires), primeira mulher do atual presidente (interpretado por Rui Ricardo Diaz), sofre um aborto do primeiro filho dele, aos oito meses de gravidez, e morre.

Coincidentemente, esta semana a personagem de Cleo em ‘Caminho das Índias’, Surya — que na trama inventou para a família estar grávida de Amitav (Danton Mello) —, simulou um aborto para que não descobrissem sua falsa gravidez. As cenas do filme foram rodadas na Beneficência Portuguesa de São Caetano terça-feira, em São Paulo.

Ontem, Cleo filmou com sua mãe verdadeira, a atriz Glória Pires, que no longa de Fábio Barreto vive dona Lindu, mãe de Lula. Semana que vem, Glória e Cleo terminam suas participações.

De O DIA

  Escrito por Magno Martins, às 04h59
 
Comentários Comentários (2) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

05
03/09
A ver navios
 O governo convidou para virem a Brasília os governadores José Serra, Aécio Neves, Roberto Requião e Sérgio Cabral. Seria para um encontro com o presidente Lula, quando ouviriam apelos para integrar-se na campanha pela construção de um milhão de casas populares. Pois na noite de terça-feira eles ouviram apenas uma exposição de Dilma Rousseff, acolitada por Guido Mantega e Paulo Bernardo, a respeito dessa nova proposta palaciana. O Lula não apareceu. E fica tudo por isso mesmo. Até o sonho do milhão de casas, pois os governadores foram unânimes em afirmar que sem recursos federais, nada feito.(Carlos Chagas - Tribuna da Imprensa)
  Escrito por Magno Martins, às 04h49
 
Comentários Comentários (0) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

05
03/09
Juiz que prendeu Daniel Dantas corre risco de expulsão

 Mais um processo em cima do juiz Fausto Martin De Sanctis, da 6ª Vara Criminal de São Paulo, aquele que mandou prender duas vezes o banqueiro Daniel Dantas. A segunda prisão de Dantas teria sido ilegal, segundo o corregedor-geral do TRF da 3ª Região, André Nabarrete, que pediu a abertura de um segundo processo administrativo contra De Sanctis. Nabarrete diz que a segunda prisão descumpriu ordem do Supremo Tribunal, que havia determinado a soltura de Dantas.

 

O juiz Fausto De Sanctis corre o risco de ser expulso do Judiciário. Quando determinou a prisão de Daniel Dantas, segundo o próprio juiz De Sanctis, havia mais provas que implicavam o banqueiro em tentativa de suborno contra um policial, argumentação não aceita pelo corregedor-geral. Toda a investigação contra o juiz De Sanctis  começou após representação contra ele feita pelo presidente do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes.

  Escrito por Magno Martins, às 04h38
 
Comentários Comentários (2) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

05
03/09
Ciro sai da toca, ataca o governo e diz que é candidato

 Saindo da toca, o deputado Ciro Gomes(PSB-CE) ressurgiu ontem atacando o governo, a política econômica, a Petrobras, Serra, e quem aparecesse mais pela frente. Classificou, por exemplo, como “uma merda” o ensino nas universidades públicas, disse que Lula impõe Dilma, para ele desprovida de experiência eleitoral. Sobrou também para o governador José Serra, quando o deputado cearense falou sobre a situação econômica e da Saúde, pasta que foi ocupada pelo paulista: “Só piora, é um desastre”.

 

'A política adotada para a crise pelo Banco Central é digna do 'Almanaque  Capivarol', traz coisas que são de uma superficialidade gritante”, continuou Ciro no seu bombardeio, durante seminário sobre a crise. A intenção do cearense é botar a cabeça à tona novamente, marcando seu nome como candidato a sucessão de Lula.

 

Mas, a certa altura, recuou um pouco, resolvendo “dar uma colher de chá” a Lula: considerou que o atual governo teve o mérito de evitar a quebra do país mesmo que isso implique crescimento de 1% neste ano. Ressalvou que os danos na economia foram provocados pelo governo FHC que, segundo ele, entregou o país com 35% de carga tributária, 78% de aumento na dívida e sem ativos. 'O Serra era o ministro do Planejamento, estava no centro dessa política econômica, e depois foi ministro da Saúde. As pessoas se esquecem disso.'

  Escrito por Magno Martins, às 04h16
 
Comentários Comentários (1) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

05
03/09
Sarney e Jarbas: retirada estratégica
 Eu não. Sarney nega ter se retirado, anteontem, para não presenciar o discurso do desafeto Jarbas Vasconcelos. "Jamais cometeria essa indelicadeza." Ele diz que saiu, após presidir as duas horas regulamentares de sessão, porque tinha reunião marcada com um grupo de sindicalistas. (Painel - Folha de S.Paulo)
  Escrito por Magno Martins, às 03h40
 
Comentários Comentários (1) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

05
03/09
Collor volta à cena política com vitória e gafes

 O ex-presidente e atual senador Fernando Collor de Mello começou a volta à cena política ontem, ao vencer a votação para titular de uma das mais importantes comissões do Senado, a de Infraestrutura, batendo a petista Ideli Salvatti, a preferida não só dos governistas mas da oposição.  E Collor volta à tona no Senado pelas mãos do estigmatizado senador e seu conterrâneo Renan Calheiros(PMDB), outra estrela que estava apagada no cenário nacional e dá a volta por cima casando e batizando. O episódio de ontem no Senado provocou situações constrangedoras, com Collor cometendo uma série de deslizes, alguns até cômicos.

Durante entrevista, segudo o jornal Tribuna da Imprensa, Collor teve de se  controlar para não deixar escapar um palavrão: 'Espúria? Ele que vá procurar... para saber onde vai achar', gaguejou, ao responder ao que disse Aloísio Mercadante, que qualificou  de espúria a união tecida por Renan que o levou ao cargo. Os dois já tinham protagonizado um embate, quando Mercadante  saiu em defesa de Ideli Salvatti com quem Collor disputou a comissão. Ao tentar elogiar a senadora,  Collor disse que a respeitava, mas deixou escapar: 'Ela é uma pessoa que congrega, que reúne e cisca para dentro'.

Para consertar a gafe  Collor afirmou que 'ciscar para dentro' é uma expressão popular no Nordeste para identificar alguém que agrega. Mas ficou nervoso e não perdoou foi a intervenção do presidente do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE). 'Espero que não peça licença do Senado nos próximos dois anos', alfinetou o tucano, para acrescentar que, desde 2006, ele esteve ausente e se licenciou duas vezes do mandato.

Foi aí que voltou à tona o temperamento explosivo de Collor, quando respondeu, com a voz embargada e desafiou: 'Sou um homem bastante experimentado e sofrido para chegar num momento como este e ouvir ironias. Aprendi a ser um homem cordial não somente pela educação que recebi, mas pelas experiências e pelos sofrimentos que colhi ao longo da vida pública. Mas não está apagada dentro de mim a vontade do debate, do enfrentamento e a coragem'.

  Escrito por Magno Martins, às 03h08
 
Comentários Comentários (0) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

04
03/09
Recuperando a força, Renan já dá as cartas no Senado

 Após o senador petista Aloizio Mercadante (SP), chamar de "aliança espúria" o acordo firmado entre os senadores Renan Calheiros e Fernando Collor, que conduziu o ex-presidente ao comando da Comissão de Infraestrutura do Senado, Collor retrucou indignado:

"Relação espúria, não. Foi um acordo inteiramente aberto que todo mundo participou, todo mundo soube. O senador Aloizio Mercadante precisa medir um pouco suas palavras para respeitar seus companheiros aqui do Senado", disse Collor.

A manobra é um dos diversos movimentos matreiros feitos pelo ressurgido senador Renan Calheiros dentro do Senado, mostrando ter recuperado a força e comandando um segmento importante dos membros da Casa.

Segundo a Folha, com a manobra de Renan, repudiada por grande arte dos senadores, inclusive do PT, que queria no cargo Ideli Salvatti, além dos próprios oposicionistas como Sérgio Guerra e democratas, o PMDB --que já reúne as maiores bancadas da Câmara e do Senado-- elegeu o maior número de prefeitos em outubro, ganhou as presidências da Câmara e do Senado em fevereiro, e hoje ficou com as presidências das principais comissões das duas casos --como a CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara. O partido também controla cinco ministérios: Hélio Costa (Comunicações), Geddel Vieira (Integração Nacional), José Gomes Temporão (Saúde), Nelson Jobim (Defesa) e Edison Lobão (Minas e Energia).

  Escrito por Magno Martins, às 22h30
 
Comentários Comentários (0) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

04
03/09
Relator deve acatar criação de novo órgão para fundos

O deputado Chico D'Angelo (PT-RJ) deve acatar a proposta do governo federal que cria a Superintendência Nacional de Previdência Complementar (Previc) como novo órgão de fiscalização dos fundos de pensão no País, segundo noticiou a Agência Estado. Se for aprovada, a Previc poderá representar um novo marco na fiscalização dos fundos de pensão, uma vez que terá o poder até mesmo de fazer autuações sobre eventuais irregularidades cometidas na gestão. Relator do assunto na Comissão de Seguridade Social da Câmara dos Deputados, D'angelo deve apresentar seu relatório na próxima semana.

A discussão se acelera num momento em que o setor enfrenta disputas políticas pelo controle de vários fundos de pensão, como é o caso da Fundação Real Grandeza - que administra recursos da geradora Furnas e da Eletronuclear -, que é alvo do interesse do PMDB, ou da Rede Ferroviária de Seguridade Social (Refer) - fundo de pensão de ferroviários e metroviários -, que poderá ter um presidente ligado ao ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, do PR.

  Escrito por Magno Martins, às 20h00
 
Comentários Comentários (0) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

04
03/09
Famílias do MST desocupam Fazenda Jabuticaba

As 80 famílias acampadas na Fazenda Jabuticaba, em São Joaquim do Monte, no Agreste, deixaram o local na manhã de hoje, noticiou o Pernambuco.com. Elas cumpriram o acordo firmado ontem durante reunião entre integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), os donos da propriedade, representantes do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e o ouvidor agrário nacional, Gercino Silva.

 

Gercino esteve no final da manhã na fazenda para acompanhar a saída dos trabalhadores rurais. Na ocasião, apenas 40 pessoas o aguardavam para mostrar que todos haviam se retirado. As famílias ficarão acampadas em um terreno de um hectare a cerca de um quilômetro da Jabuticaba. O terreno é de propriedade do filho da sem terra Terezinha Silva, que também deixou a fazenda.

  Escrito por Magno Martins, às 19h30
 
Comentários Comentários (1) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

04
03/09
Lyra lançará livro sobre transição democrática
O ex-ministro Fernando Lyra anuncia o lançamento de um livro contando os momentos históricos vividos pelo país, durante o período de transição democrática. Lyra foi muito ligado ao ex-presidente Tancredo Neves, e conta trechos dessa amizade no livro que está lançando. O ex-ministro dá entrevista no programa Frente a Frente, da Nossa Rádio FM. 
  Escrito por Magno Martins, às 18h42
 
Comentários Comentários (6) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

04
03/09
Fernando Lyra no Frente a Frente

O ex-ministro Fernando Lyra está sendo entrevistado no Programa Frente a Frente, neste momento, na Nossa Rádio 106.9 FM em rede estadual com 17 emissoras. Participe! Mande o seu e-mail no frenteafrentecommagno@gmail.com

  Escrito por Magno Martins, às 18h40
 
Comentários Comentários (0) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

04
03/09
Novo quadro do Frente a Frente: invasão de privacidade

O Frente a Frente fez a estréia, hoje, de mais um quadro: invasão de privacidade, pelo qual este blogueiro trata de assuntos íntimos, da família e de escapes para relaxe. O primeiro entrevistado foi o deputado estadual Manoel Ferreira(PR).

  Escrito por Magno Martins, às 18h38
 
Comentários Comentários (1) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

04
03/09
Sergio: "Eleição de Collor não foi bom para o Senado"
O senador Sérgio Guerra(PSDB) disse a Magno Martins no programa Frente a Frente que votou contra a eleição do ex-presidente Collor para presidente da Comissão de Infraestrutura do Senado. Ele entende que tal fato não acrescenta nada ao País.
  Escrito por Magno Martins, às 18h25
 
Comentários Comentários (6) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

04
03/09
Sergio Guerra no Frente a Frente

O senador Sérgio Guerra, presidente nacional do PSDB, está sendo entrevistado no Programa Frente a Frente, neste momento, na Nossa Rádio 106.9 FM em rede estadual com 17 emissoras. Participe! Mande o seu e-mail no frenteafrentecommagno@gmail.com

  Escrito por Magno Martins, às 18h23
 
Comentários Comentários (0) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  


Copyright Magno Martins. 2011. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.