Busca


Coluna do Blog
Deputados e prefeitos em 2016


Destaques
Coluna da sexta-feira
Armando: honrado em ministério, mas não teve convite
PSDB pede recontagem de votos; PT diz ser 3º turno
Afagos: Dilma tenta conter a 'fome' da sua base aliada
De novo? Dilma eleva para 383 milhões gasto de campanha
Deu a louca no PSDB
Cúpula do PP quer Maluf fora da presidência do partido
DEM e Solidariedade estudam fusão dos dois partidos
Assim com o FBI: PF prende 43 foragidos internacionais
Governo e PT 'pisam em ovos' com Eduardo Cunha


Opinião


Zeus nos livre das sete pragas dos gafanhotos vermelhos - José Adalberto Ribeiro
























TwitterTwitterRádio do MagnoRSS

15
10/09
Lula pede para população votar melhor e critica Imprensa

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse hoje que a população deve usar as eleições para escolher uma classe política de melhor qualidade. Segundo ele, a eleição é a hora de fazer a reparação, segundo a Folhaonline.

"É importante mudar a classe política, ter consciência, ter o direito de colocar gente cada vez melhor. Às vezes, fico assustado quando coloca gente pior. É preciso ter consciência que a eleição serve para fazer a reparação. Colocou um cara ruim, troca. Reelege um melhor", disse ele em entrevista para rádios do Nordeste e de Minas Gerais.

Lula defendeu ainda a escolha de candidatos comprometidos com o Nordeste. "Se entrar gente comprometida com o Nordeste, certamente as coisas vão acontecer. Mas tem gente grã-fina no Nordeste que prefere fazer investimento no Rio, em São Paulo, comprar apartamento em Paris."

Na viagem às obras de transposição do rio São Francisco, Lula esteve acompanhado de vários pré-candidatos --como a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil) e o deputado Ciro Gomes (PSB-CE). Pré-candidatos a governos de Estados do Nordeste também acompanham Lula, como o ministro Geddel Vieira (Integração Nacional).

Ao falar do motivo que levou o Rio a ser escolhido sede das Olimpíadas de 2016, Lula criticou a imprensa nacional. Segundo ele, a imprensa nacional é muito pessimista, diferentemente da internacional. "Aqui [a imprensa], é só jogar para baixo. Vai ser azedo assim em outro lugar,"

  Escrito por Magno Martins, às 14h13
 
Comentários Comentários (2) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Enquanto isso...

 

 

 

 

 

 

 

 

  Escrito por Magno Martins, às 14h00
 
Comentários Comentários (0) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Giro pelo Interior: Lula visita obras em Custódia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O presidente Lula visitou, hoje, em Custódia, a 339 km do Recife, as obras dos Eixos Leste e Norte e os dois canais que estão sendo construídos para integrar o Rio São Francisco às Bacias do Nordeste Setentrional . As imagens são de  Ricardo Stuckert/PR.

  Escrito por Magno Martins, às 13h05
 
Comentários Comentários (5) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Noite de Lula na obra: bufê francês e cama king size

Do Blog de Josias de Souza

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Lula e seu séquito pernoitaram num dos canteiros da obra de transposição das águas do Rio São Francisco. Ao contrário do que insinuara o marketing oficial, a ousadia não custou ao presidente a perda do apuro que vem junto com o cargo.

 

Antes da comitiva oficial, chegaram à obra o requinte e a sofisticação. Deve-se o relato à equipe de reportagem do 'Diário de Pernambuco'. Para cuidar da comida, importou-se do Recife o bufê de um bistrô francês, o La Cuisine. Incluiu bebidas e canapés.

 

Os alimentos foram preparados por um time de nove cozinheiros e servidos por uma equipe de duas dezenas de garçons. Improvisou-se o “quarto” de Lula no escritório do engenheiro-chefe da obra. Coisa fina. Tapete azul, televisão, frigobar, banheiro privativo e cama ‘king size’.

 

Exceto pelo tapete e pela TV, os convidados ilustres –ministros, governadores e empresários— dormiram em alojamentos dotados das mesmas facilidades. Como o presidente foi à obra mais para ser visto do que para ver, reservaram-se cerca de 50 acomodações para jornalistas. Camas de solteiro.

 

Para a difusão de textos e imagens, o canteiro foi equipado com 14 laptops. Peças inusuais num ambiente em que máquinas pesadas evoluem sobre a lama.

Do lado de fora, o alojamento presidencial foi adornado com tapumes de fibra e painéis de lona. Para separar os sapatos do solo, brita. Muita brita.

 

Antes de enfiar-se sob as cobertas, Lula tivera um dia cheio. Passara por Pirapora e Buritizeiro, em Minas. Visitara Barra, na Bahia. No final da tarde, voara para Arcoverde, em Pernambuco. Dali fora, de helicóptero, para o local onde está assentado o canteiro do primeiro pernoite.

 

O nome da localidade é sugestivo: Custódia. Entre as acepções anotadas no Aurélio, duas se encaixam como luva. Segundo o dicionário, Custódia significa: A) Lugar onde se guarda alguma coisa com segurança; B) Objeto de ouro ou prata em que se expõe a hóstia consagrada.

 

Nesta quinta (15), Lula dará seguimento à “missa” do São Francisco. Ainda em Custódia, fará um pa©mício. Mais um. O palco, montado de véspera, tem 40 m² –10mX4m. Orna-o uma frase: 'Projeto São Francisco. Um rio melhor, um rio para todos'.

 

Lula discursará para os operários. E para as câmeras, naturalmente. Depois, vai à Paraíba. Novo pa©lanque. Mais discurso. No fim da tarde, a comitiva retorna a Pernambuco. Desce na cidade de Floresta. E vai ao canteiro do segundo pernoite. Na sexta (16), Lula volta para Brasília.

 

Não há, por ora, informações sobre o custo da aventura administrativo-eleitoral. De concreto, só a certeza de que a conta será espetada na bolsa da Viúva.

  Escrito por Magno Martins, às 12h12
 
Comentários Comentários (24) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Núcleo político da campanha Dilma é montado

Sob a orientação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, montou um núcleo político para coordenar sua campanha ao Palácio do Planalto. Integrado pelo deputado Antonio Palocci (PT-SP), que chefiou a equipe do programa de governo de Lula, em 2002, o grupo já se reuniu três vezes com o presidente e com Dilma, nos últimos dois meses, com o objetivo de traçar estratégias para a corrida de 2010.

 

Além de Palocci, fazem parte do time o chefe de gabinete de Lula, Gilberto Carvalho, o ministro Franklin Martins (Comunicação Social), o ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel, o presidente do PT, deputado Ricardo Berzoini (SP), e o marqueteiro João Santana.

 

 No último jantar, há cerca de um mês, Lula falou sobre dificuldades enfrentadas em suas campanhas para atrair apoios além das "fronteiras da esquerda". Foi dessas conversas reservadas que saiu a ideia de Dilma comandar reuniões com os partidos aliados e se apresentar como candidata disposta a fazer acordos políticos, e não apenas como "gerentona" do governo.

 

Santana, por sua vez, tem orientado a ministra a vestir o figurino da simpatia. Dona de temperamento explosivo, Dilma ficou conhecida na Casa Civil por distribuir broncas. "Sou uma mulher dura, cercada por homens meigos", diz ela, toda vez que é lembrada de sua "fama". O marqueteiro deixou Dilma sorridente e pediu a ela que usasse cores mais vivas. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

  Escrito por Magno Martins, às 12h00
 
Comentários Comentários (3) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Ex-prefeito defende a criação de genéricos para animais

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Uma das bandeiras do ex-prefeito de Petrolina e pré-candidato a deputado federal pelo DEM, Guilherme Coelho, é a utilização de medicamentos genéricos na Agricultura e PecuáriaNa visita do governador de José Serra ao município de Petrolina, na semana passada, Guilherme tratou do assunto.

“Eu sou agrônomo e trabalho nesta área desde 1984. Uma das ideias que pretendo usar na minha campanha é o genérico da Agricultura e da Pecuária. Os herbicidas, inseticidas, fungicidas utilizados na área  são produtos provenientes de multinacionais e custam um preço muito elevado. Minha proposta é criar um genérico destes produtos, onde as pessoas tenham a opção do produto com os mesmos princípios ativos e com a mesma eficácia, e que custe bem menos para o bolso do agricultor e do produtor,” explicou, durante conversa com o pré-candidato tucano ao Planalto.

  Escrito por Magno Martins, às 11h47
 
Comentários Comentários (2) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Eles por eles

O que o cidadão acha dos políticos, já é sabido. E os políticos, o que acham dos políticos? Para responder, dê-se a palavra a três conhecidos atores da cena política atual.

Para começar, atenção nesta frase: “Nós sabemos que antigamente se dizia que o Adhemar de Barros era ladrão, que o Maluf era ladrão. Poderiam ser ladrões, mas eles são trombadinhas perto do grande ladrão que é o governante da Nova República.” O ladrão era José Sarney, segundo Luiz Inácio da Silva, em Aracaju, em 1987.

Em 1989, dizia o candidato Fernando Collor de Melo a respeito do mesmo presidente José Sarney: “Gostaria de tratar o senhor José Sarney com elegância e respeito, mas não posso, porque estou falando com um irresponsável, um omisso, um desastrado, um fraco. Sempre foi um político de segunda classe, nunca teve uma atitude de coragem.” E dizia a respeito do seu oponente Luiz Inácio da Silva: “O outro candidato defende abertamente a luta armada, a invasão de casas e apartamentos. Lula é um cambalacheiro.”

Ainda em 1989 desabafava o então presidente José Sarney: “O Brasil é testemunha da brutalidade, da violência, do desatino com que fui agredido por um candidato profundamente transtornado.”

Em 1993, assim falava de Fernando Collor o senhor Luiz Inácio da Silva: “Pena que esse moço seja tão corrupto.” A íntegra deste artigo, do jornalista e publicitário Marcelo Alcoforado, você confere no menu Opinião. Vale a pena!

  Escrito por Magno Martins, às 11h45
 
Comentários Comentários (8) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Blog inicia enquete sobre gestão de Lóssio em Petrolina

O blog inicia, hoje, uma nova enquete dentro da proposta de avaliação das gestões municipais, desta feita em Petrolina, administrada pelo peemedebista Júlio Lóssio. Vote! Participe! O blog agradece.

  Escrito por Magno Martins, às 11h42
 
Comentários Comentários (14) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Maioria dos senadores tentará reeleição

Mais da metade dos senadores com mandato até 2011 se apresentam como pré-candidatos à reeleição em outubro do próximo ano, quando estarão em disputa 54 das 81 cadeiras do Senado. Levantamento feito pelo Congresso em Foco mostra que pelo menos 30 senadores irão às urnas tentar renovar seus mandatos até 2019. Desses, 18 são da base de apoio ao governo Lula e 12, da oposição. As informações são do Congresso em Foco.

 

Dos 59 senadores em fim de mandato, entre titulares, suplentes e licenciados, apenas três descartam disputar qualquer posto nas próximas eleições. Nove pretendem concorrer a outros cargos eletivos, como deputado federal, governador e presidente da República.

  Escrito por Magno Martins, às 11h30
 
Comentários Comentários (2) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Servidores públicos fazem paralisação de 48 horas

Servidores públicos federais em todo o país fazem paralisação por  48 horas em protesto contra o descumprimento de acordos e compromissos firmados pelo governo. As principais reivindicações da categoria são a aprovação de planos de carreira e a reabertura das negociações.

Participam da greve de advertência, entre outros, funcionários da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Advocacia-Geral da União (AGU), do Judiciário, Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), dos ministérios da Agricultura, Fazenda, Cultura, Saúde e do Trabalho e Emprego, do Ibama e das agências reguladoras.

A categoria deve votar em assembleia um indicativo de greve para 10 de novembro, informou a Agência Brasil.

  Escrito por Magno Martins, às 11h00
 
Comentários Comentários (2) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Lula sobrevoa obras e visita Barragem de Itaparica
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva continua a vistoriar hoje obras de integração do Rio São Francisco. Agora de manhã, no município de Arcoverde (PE), ele dá entrevista a rádios locais e assiste a uma apresentação do ministro da Integração, Geddel Vieira Lima, sobre o andamento das obras dos dois canais (eixos leste e norte) que estão sendo construídos para integrar as águas do rio às bacias hidrográficas do Nordeste setentrional.

Ainda de manhã, Lula se encontra com trabalhadores e moradores da região. Depois, sobrevoa as obras do eixo leste, que levará água aos estados de Pernambuco e da Paraíba. Em seguida (12h30), visita a Barragem de Itaparica, próxima à cidade de Floresta (PE), onde vai conhecer o mirante e a estação de bombeamento. 

No fim da tarde, a comitiva presidencial deixa Floresta com destino a Cabrobó, também no sertão pernambucano, onde dormirá. Amanhã (16) de manhã, Lula inspeciona as obras de concretagem do canal do eixo norte, que terá 426 quilômetros de extensão e levará água ao Ceará, à Paraíba e ao Rio Grande do Norte.

  Escrito por Magno Martins, às 10h22
 
Comentários Comentários (1) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Enquete de Caruaru é cancelada
Diante da manipulação grosseira constada na votação ao longo do dia de ontem, para atender interesses dos aliados do prefeito de Caruaru, José Queiroz, do PDT, tomei a decisão de cancelar a enquete que estava no ar tentando avaliar a gestão do prefeito daquele município. Foi constatada uma espécie de 'corrente' para ampliar a votação no item 'positiva' e por isso resolvemos parar por aqui, infelizmente. É lamentável mesmo, porque fizemos enquetes antes em cinco cidades da Região Metropolitana e isso, felizmente, não se observou. De Caruaru, no entanto, o blog vai para Petrolina. Vamos votar, gente! Obrigado pela compreensão.
  Escrito por Magno Martins, às 06h59
 
Comentários Comentários (83) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Coluna de hoje na Folha

         Lula e as duas caras

 

Lula adora se apresentar como o grande feitor da humanidade. A história do Brasil, a partir de agora, tem que ser vista e analisada como antes e depois da sua chegada ao poder. É um gênio! Nunca vi tamanha auto-suficiência! Daqui uns dias, ele vai dizer que inventou a roda.

 

Falando, ontem, na primeira etapa da sua agenda eleitoreira pelas obras da transposição, o sabe-tudo, entretanto, mostrou que não alcançou ainda a perfeição, como apregoa, e pisou na bola. Disse que os presidentes anteriores não tiraram o projeto do papel porque tinham duas caras.

 

Ora, tem um político que se enquadre nesse contexto mais do que Lula? Eleito para promover as mudanças com o PT entregou o poder aos conservadores que tanto combateu no passado. Seu mais novo aliado é o senador alagoano e ex-presidente Collor. Quem tem duas caras, então?

 

A cara de ética de Lula é da boca para fora. Sem maioria no Congresso delegou ao tarefeiro José Dirceu a missão de criar um mensalão. Há pouco, só faltou dizer que colocaria a mão no fogo por Sarney quando viu o aliado ameaçado de cassação na crise moral do Senado. Teve que recuar logo em seguida diante da perda de popularidade apontada por uma pesquisa. Lula é um líder de massas, mas se perde pela própria língua.

 

ENCENAÇÃO– A política é uma novela dantesca do faz-de-conta. Na primeira etapa da viagem à rota da transposição, ontem, Lula fez questão de ser fotografado e filmado ao lado de três presidenciáveis – Dilma, a sua candidata; Ciro Gomes, o seu chamado plano B; e Aécio Neves, que embora seja uma alternativa de oposição, vive a cantar loas para o presidente. Tudo encenação para ilustrar o país das maravilhas invejado por Lula. O mais grave: todos exibiam um sorriso amarelo.

 

Tá tudo dominado - Na véspera da chegada de Lula à região da transposição, o Primeiro Comando da Capital (PCC) seqüestrou em Salgueiro a mulher e uma filha de um capitão para mostrar ao Poder Central, evidentemente, que espalhou seu raio de ação em todos os quadrantes do país maravilha pinçado por Lula e sua turma.

 

Tropeço em Angola - Falando em Angola, o mestre Josias Albuquerque, presidente da Fecomércio, andou atropelando a história. Disse que o porto de Suape nasceu na era Jarbas e ganhou impulso com Eduardo Campos. Suape é uma obra de muitos governos, tendo seus alicerces na administração Eraldo Gueiros. É claro que Josias não ignora essa realidade. Na verdade, deve ter sido vítima de um lapso de memória.

 

Violência no sertão - Temendo que Serra Talhada vire, também, território do PCC, o prefeito Carlos Evandro (PR) convocou uma penca de autoridades, entre elas o secretário de Transportes, Sebastião Oliveira, e o deputado federal Inocêncio Oliveira, para uma reunião sobre segurança pública, amanhã, na Câmara de Vereadores.

 

O bombeiro - O prefeito de Petrolândia, Lourival Simões (PR), evitou, ontem, uma rebelião da sua bancada na Câmara. Inconformados com a transferência de recursos do ICMS local gerados pela Chesf para outros municípios, os vereadores tentaram aprovar uma moção de repúdio ao governador. Simões apagou o incêndio.

 

 

 

 

Curtas

 

SEM FUNDO– O prefeito do Cabo, Lula Cabral (PTB), nega que tenha alimentado o sonho de fisgar parte do ICMS de Suape, porque é contra a proposta do prefeito de Jaboatão, Elias Gomes (PSDB), de criar um fundo para os municípios da região.

 

PRISÃO– O chefe da Ciretran de Serra Talhada, Fernando de Beba, se envolveu, ontem, em mais uma confusão e acabou preso pela Polícia Federal. Indicado pelo deputado Augusto César Filho, terá que dar explicações ao Governo para se manter no cargo.

 

CONSÓRCIO– O prefeito de Arcoverde, Zeca Cavalcanti (PTB), e a prefeita de Pesqueira, Cleide Oliveira, se encontram, na próxima quarta-feira, em Arcoverde. Em pauta, o consórcio do Sertão do Moxotó, pelo qual esperam atrair mais obras para seus municípios.

 

'E a todo o homem, a quem Deus deu riquezas e bens, e lhe deu poder para delas comer e tomar a sua porção, e gozar do seu trabalho, isto é dom de Deus'. (Eclesiastes 5-19)

  Escrito por Magno Martins, às 06h00
 
Comentários Comentários (26) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Lula e seus dois candidatos chegam a território pernambucano

Lula e Dilma passeiam no São Francisco em barco da Marinha

Da Folha de Pernambuco (Gilberto Prazeres e Paulo Marinho)
 
Ladeado pelos pré-candidatos à Presidência da Republica, a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff (PT), e o deputado federal Ciro Gomes (PSB-SP), o presidente Luiz Inacio Lula da Silva aportou às 21h de ontem - a chegada era prevista para as 19h - em Pernambuco, num trecho entre Custodia e Sertânia. Depois de uma verdadeira maratona envolvendo as obras da transposição do rio São Francisco, incluindo os estados de Minas Gerais e Bahia, Lula cumprimentou uma fila de operários do turno da noite e assistiu ao funcionamento da perfuratriz. Ele dormiu no acampamento do canteiro de obras. Também acompanharam a visita o governador do Estado, Eduardo Campos (PSB), e o ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima (PMDB).

Durante a visita da comitiva, Lula se dividiu entre os já habituais “afagos” a sua declarada candidata à presidência da República e momentos quase particulares com Ciro Gomes (PSB). Na ocasião, apenas o socialista manteve conversas em separado com Lula.

Comportamento que reforçou a declaração dada mais cedo pelo petista de que tanto Dilma quanto Ciro têm vocação para cantores solos, numa clara negativa à possibilidade de uma chapa que inclua os dois, com um deles como candidato a vice, em 2010.

  Escrito por Magno Martins, às 05h54
 
Comentários Comentários (3) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Lula justifica Ciro, e diz que fora do governo fiscalizará obra

Foto: Ricardo Stuckert/PR O presidente Lula justificou ontem, na Bahia, que convidou o deputado Ciro Gomes para integrar a comitiva que inspeciona as obras de transposição do Rio São Francisco por ter sido ele uma das pessoas que mais 'batalhou' pelo projeto. Em seu discurso, Lula disse que quando deixar a Presidência voltará à região do São Francisco, irá percorrer o rio sem seguranças e sem a companhia de ministros e vai exigir a continuação da obra.

Dívida

Lula ressaltou que as obras de transposição e revitalização do Rio São Francisco representam o pagamento de uma dívida história. O presidente disse que sentiu que o projeto do São Francisco ia sair do papel no dia que foi eleito presidente da República. Até aí, afirmou ele, só havia promessas.

Ao iníciar a viagem por quatro Estados para vistoriar as obras de revitalização e integração do Rio São Francisco, Lula garantiu que o projeto não será deixado pela metade, criticando governantes anteriores. 'Essa obra foi pensada em 1847. Quase 200 anos depois, não conseguiu andar, porque tivemos muitos governantes de duas caras, que prometiam fazer a obra em um Estado e não faziam”, disse durante discurso em Buritizeiro, município de Minas Gerais.

  Escrito por Magno Martins, às 05h40
 
Comentários Comentários (0) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Estratégia: Dilma quer mostrar que não é tutelada por Lula
 Quem esteve presente na sequência de encontros com partidos aliados que Dilma Rousseff teve desde a semana passada observa uma inflexão na performance da ministra da Casa Civil, que estaria não somente se expondo mais como trocando o discurso administrativo pelo político para, nas palavras de um aliado, "sinalizar que ela é do ramo".
No jantar de anteontem com o PR, assim como nos anteriores, Dilma abriu sua intervenção dizendo que os presentes estavam habituados a ouvi-la falar de PAC, mas que a conversa ali seria outra. Ainda que não caiba à candidata a costura propriamente dita das alianças, a ideia, explica outro aliado, é "abandonar aos poucos a noção de que ela seria tutelada" por Lula.(Painel - Folha de S.Paulo)
  Escrito por Magno Martins, às 05h20
 
Comentários Comentários (0) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Transposição do São Francisco só atingiu 15,3% da meta

O presidente Lula e a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, em Buritizeiro (MG), às margens do rio São Francisco

O presidente Lula e a ministra Dilma Rousseff às margens do rio São Francisco

 

A execução média das obras de transposição de parte das águas do rio São Francisco está em 15,3%, segundo balanço apresentado ontem pelo Ministério da Integração Nacional ao presidente Lula, informa a Folha de S.Paulo de hoje. Isso indica que, para cumprir as metas estipuladas pelo governo para dezembro deste ano, a execução nesses 75 dias terá de superar o total realizado desde o início das obras, em agosto de 2007. No balanço de fevereiro do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), o governo estimava para abril a execução de ao menos 18% das obras do eixo norte (rumo ao Ceará) e de 20% do eixo leste (em direção ao centro de Pernambuco).

Não atingidas, essas metas foram modificadas há dois meses, quando Lula e a ministra Dilma Rousseff (Casa Civil), diante de um relatório que apontava o atraso nos dois eixos da obra, exigiram a ampliação do número de máquinas e de operários, além da adoção de três turnos de trabalho -o que, diz o governo, deu um carimbo 'adequado' ao ritmo das obras. Agora, a meta oficial aponta, para dezembro, a execução de pelo menos 32% das obras do eixo norte e de 40% no leste.

Além das empresas que venceram as licitações, o Exército é o responsável por uma parte da obra. Os militares, segundo o balanço do ministério mostrado ontem a Lula, já concluíram 51% dos trechos sob sua responsabilidade: canais de aproximação (entre o rio e as estações de bombeamento) e duas barragens, em ambos os eixos.

  Escrito por Magno Martins, às 04h40
 
Comentários Comentários (2) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
PT: quem te viu, e quem te vê

 Os ruralistas levaram o comando da Comissão do Código Florestal Brasileiro, elegendo há pouco na Câmara o presidente e o relator do projeto que, no final das contas, vai mexer nas leis que limitam o desmatamento. A presidência da comissão ficou com o Moacir Micheletto (PMDB/PR) e a relatoria com Aldo Rebelo (PCdoB/SP). Até aí, beleza. Foram eleitos por seus pares e ponto.

O curioso é a mudança de postura do PT. Quando o Código Florestal foi modificado em 2001, no governo FHC, o PT bateu até não poder mais no projeto de Micheletto - afinal, aprovado. Micheletto era, então, um diabo desmatador. Agora, Micheletto foi eleito com o apoio entusiasmado da bancada petista.  (Radar - VEJA)

  Escrito por Magno Martins, às 04h00
 
Comentários Comentários (2) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Ambientalistas perdem a primeira batalha para os ruralistas

 Os ruralistas ganharam ontem o primeiro embate contra os ambientalistas na subcomissão especial criada na Câmara para discutir mudanças no Código Florestal. Depois de muitas tentativas dos verdes de barrar a comissão, foram enfim eleitos os comandantes do debate. Para a presidência foi escolhido o deputado Moacir Micheletto (PMDB-PR), da bancada ruralista. Como relator foi escolhido o deputado Aldo Rebelo (PCdoB-SP), que também não tem o apoio dos ambientalistas.

O deputado Ivan Valente (PSOL-SP), alinhado aos verdes, disse que é um erro político a criação dessa comissão.

— Não deveria nem ter sido instalada. Ela tem como objetivo revogar a legislação ambiental brasileira. Coloca a raposa para tomar conta do galinheiro — comparou.

Minoria esmagadora, os ambientalistas se queixam que o debate ficará concentrado nas mãos dos parlamentares ligados à agricultura e à pecuária. A posição desse setor é passar para os estados a autonomia de definir o quanto deve ser preservado e quanto pode ser liberado para a produção de alimentos.(Informações de O Globo)

  Escrito por Magno Martins, às 03h20
 
Comentários Comentários (1) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  

15
10/09
Lula:''Não compensa lançar candidatura um ano antes''
O deputado Ciro Gomes, o presidente Lula, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff, e o governador de Minas Gerais, Aécio Neves, durante visita ... 
Neste meio de tarde de quarta-feira, 14, o presidente Lula, os presidenciáveis Dilma Rousseff e Ciro Gomes navegaram pelo Rio São Francisco, no município de Barra, Bahia. Dilma e Ciro voaram juntos, com Lula ao lado. Conversaram muito tempo sobre política e amenidades. Na beirada do rio, minutos antes de embarcar para um rápido giro pelo Velho Chico, Lula disse:
- Não compensa fazer lançamento de candidaura um ano antes, aqui no rio São Francisco.

O presidente relatou ter havido um debate teórico sobre a transposição. "Mas verificamos tecnicamente que não traria nenhum problema", assegurou.

Lula destacou que a presença de Ciro Gomes na viagem se deve à sua contribuição ao projeto de transposição na fase incial.

Lula, Wagner, Dilma e Ciro, todos com chapéu do exército para se proteger do sol e os 39ºC. Na descida para o atracadouro, Dilma não foi reconhecida por muitos populares, mas mantinha um tímido sorriso. Lula seguiu para o rio, e antes de lá chegar, passou por um corredor com cerca de 500 pessoas. Algumas delas chegaram às 8h da manhã para ver o presidente. Entusiasmados, populares gritavam. Muitos diziam:

- Tô aqui esperando meu pai.

Rita de Cássia Vieira dos Santos, beneficiária do Bolsa-Família, dizia:
- Meu Deus, cadê esse pai, que não chegue logo? Se Lula tocasse minha mão, ah oxe!, eu cairia aqui mesmo. (Informações do portal Terra - Bob Fernandes e Cláudio Leal)

  Escrito por Magno Martins, às 02h37
 
Comentários Comentários (1) Enviar por E-mail Enviar por e-mail Imprimir Imprimir Topo Facebook Twitter Twitter Topo Topo  


Copyright Magno Martins. 2011. Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do autor.